Nota da PMO: Combate ao Coronavírus


A Prefeitura de Ourinhos, através da Secretaria Municipal de Saúde informa que: Ourinhos possui 15 leitos de UTI para o Sistema Único de Saúde (SUS) na Santa Casa. Depois de todos os procedimentos, novas estruturas e documentação, no último dia 30/04/2020, a Secretaria Municipal de Saúde solicitou a Regional de Saúde de Marília o credenciamento de 10 novos leitos de UTI. O credenciamento garante que, não apenas pacientes de Ourinhos sejam atendidos, mas também de outros 13 municípios da região, por meio do atendimento através da Central de Regulação das Vagas dos Hospitais realizado pelo Estado de São Paulo, chamado de CROSS.

Desde então, a Secretaria de Saúde de Ourinhos vem cobrando insistentemente o posicionamento do governo Estadual por meio da Diretoria Regional de Saúde em Marília (DRS), já que os leitos estão inseridos no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde. Vale ressaltar que outras cidades, inclusive Santa Cruz do Rio Pardo, também possui leitos de UTI credenciados e regulados pelo Governo do Estado através da CROSS, isso determina que são obrigados também a atender munícipes das 13 cidades da região e não apenas o seu município.

Estranho um prefeito em seu segundo mandato e médico não ter conhecimento sobre como funciona a regulação de gestão da saúde regional.

Lembramos ainda que, além de UTI, a Prefeitura de Ourinhos vem sendo referência no enfrentamento e combate ao COVID-19 com inúmeras medidas nos mais diversos setores, criando o primeiro hospital de campanha do Centro Oeste paulista, com leitos com toda estrutura com oxigênio, sala de estabilização com respirador para atender pacientes dos 13 municípios de baixa e média complexidade e sintomas do Coronavírus.

Reafirmamos nosso compromisso com a verdade, transparência e seriedade de nossa gestão, agindo sempre com responsabilidade e buscando criar condições melhores aos cidadãos em todos os setores. Inclusive, todos os gastos da Prefeitura de Ourinhos estão no site oficial, sendo aberto até uma aba própria sobre os gastos e as ações do COVID-19.