Prefeitura promove pré-festival de Hip Hop domingo (28) no CEU Recanto dos Pássaros


A Prefeitura de Ourinhos, por meio da Secretaria de Cultura e da Assistência Social em parceria ao grupo CrewAtividade, promove domingo (28), a partir das 15h, no CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados), o pré-festival de Hip Hop. O evento é uma prévia do 1º Festival de Hip Hop que ocorre em parceria a 10ª edição do Feira da Rua, dia 26 de maio, na praça Mello Peixoto, a partir das 15h.

A programação do evento conta com batalha de MC’s e All Style, valendo vaga para as batalhas que serão promovidas no festival, além de apresentações de rap dos grupos D-Flow Mc’s e Ruessência, ambos de Ourinhos, e Dalmati Mc e T-Still, de Santa Cruz do Rio Pardo. Também haverá arte em grafite de Sidnelson, de Ourinhos, e Binho Graffiti, de Assis.

O Secretário de Cultura, Gustavo Tanus, fala que o evento promove a diversidade cultural e valoriza a cultura do hip hop, um movimento em crescente ascensão no cenário artístico. “Nossa proposta é diversificar a cultura, oferecendo espaço para a diversidade cultural. Esperamos reunir todo o pessoal que gosta deste estilo e dessa arte.”

Gustavo destaca que o 1º Festival de Hip Hop será realizado em parceria a 10ª edição do evento Feira da Rua, com o propósito de fortalecimento do movimento. “Nós unimos estes dois eventos com a proposta de oferecer a população um evento de peso, trazendo uma programação de qualidade.”

Walter Alves de Souza Junior, representante do CrewAtividade, que realiza a Feira da rua, afirma que o apoio da Prefeitura é fundamental para alcançar maior visibilidade. “Estamos contentes de realizar este evento com o apoio da Secretaria de Cultura, em especial ao Secretário Gustavo Tanus, que nos permitiu esse espaço. Temos as melhores expectativas de receber um bom público, realizar um evento de qualidade, ganhar visibilidade e poder fazer as próximas edições ainda melhores. Ourinhos tem esse potencial e nossa ideia é fomentar este cronograma cultural com o melhor do movimento hip hop. Quando o trabalho é feito em conjunto, não são uns que ganham, mas todos.”, afirma.

Aliado a programação de apresentações culturais, o evento de prévia também terá integrada a Feira de Economia Solidária, espaço onde pessoas que são atendidas pelo CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) II e III farão a comercialização de produtos produzidos por elas mesmas. Segundo Laura Basoli, psicóloga do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) II, que funciona dentro do CEU Recanto dos Pássaros, a proposta é promover desenvolvimento econômico às participantes.    “Neste espaço, haverá a comercialização de produções artesanais, de culinária, costura, entre outras, incentivo a compra destes produtos no lugar de produtos industrializados. Acreditamos que isso promove autonomia e é um impulso a geração de trabalho e renda.”

Para Laura, a parceria entre as Secretarias e o grupo CrewAtividade fortalece vínculos. “O trabalho de forma integrada beneficia, em primeiro lugar, a população”.