Instalação de macromedidores mapeará vazamentos de água em Ourinhos

Share:

A Prefeitura de Ourinhos, por meio da SAE (Superintendência de Água e Esgoto) adquiriu recentemente três macromedidores, equipamentos que vão mapear vazamentos na rede de distribuição e nortear investimentos para minimizar o problema da falta d’água na cidade.

A previsão é que até o final do mês de dezembro os aparelhos sejam instalados. Paralelo a esse investimento, a SAE prepara edital para contratar empresa especializada para a elaboração de projeto de reestruturação de todo o sistema de captação e abastecimento. ”Esse é só mais um dos problemas que arrastaram por muito tempo e que estamos enfrentando. Vamos resolver. O que não fizeram em décadas, faremos agora”, declara o Prefeito Lucas Pocay.

Outros projetos da SAE para equacionar o problema são a ampliação da ETA (Estação de Tratamento de Água), atualização da rede de distribuição e a perfuração de poços. O especialista em implantação, operação e gerenciamento de serviços públicos de abastecimento, o engenheiro civil Marcelo Pires, Superintendente da SAE, explica que o sistema de abastecimento de água de Ourinhos foi projetado em 1960 e, desde então, foram poucas as intervenções para melhorar a distribuição. “A SAE faz a captação, as adutoras distribuem nas residências, mas estima-se que a perda seja de 60%. O que estaria chegando nas casa das pessoas é apernas 40% da capacidade. Precisamos ter o número exato disso. Por isso compramos os macromedidores para recuperar as adutoras”, revela.

Para sanar o problema crônico da falta de água que se arrasta há décadas, desde o início da atual gestão, a Prefeitura de Ourinhos e a SAE (Superintendência de Água e Esgoto) vêm implantando soluções que podem ser adotadas a curto, médio e longo prazos. “Diariamente a SAE está empenhada buscando maneiras de minimizar o problema da falta d’água através de manobras em registros de bombeamento em pontos estratégicos entre os  reservatórios dos 4 sistemas em regiões distintas que compõem  a nossa rede pública de água”, diz Marcelo.

POÇOS PROFUNDOS

Outra ação que está sendo planejada é a necessidade da construção de mais poços profundos ou ainda novos reservatórios de grande quantidade de armazenamento. Um poço que está com estudos avançados é na região do Jardim Itamaraty.

NOVOS RESERVATÓRIOS

A gestão do Prefeito Lucas Pocay já inaugurou o reservatório do Jardim Anchieta, com capacidade para 1 milhão de litros de água, capaz de abastecer uma população de até 20 mil pessoas. Outro reservatório que já está em operação e será inaugurado agora no final do ano é o do Jardim São Silvestre.

Marcelo Pires é especialista em implantação, operação e gerenciamento de serviços públicos de abastecimento d’água e coleta e tratamento de esgotos. Também possui qualificações na execução de obras de saneamento e edificações. Ao longo da carreira, se especializou no setor de saneamento básico atuando em pelo menos 15 empresas do setor.

Outra ação que está com o projeto bem avançado é a ampliação da ETA - Estação de Tratamento de Água, possibilitando maior eficiência na captação e distribuição da água.