Prefeitura corta custos e agiliza entrega de exames médicos

Cássia Borges Palhas, secretária municipal de saúde


Uma simples ação da Prefeitura Municipal reduziu drasticamente o tempo de entrega de exames médicos e os custos com laboratório. A partir de agora os exames realizados no período da manhã nos postos de saúde de Ourinhos serão entregues no mesmo dia, na parte da tarde.
 

A medida só foi possível porque a pedido do prefeito Lucas Pocay, a Secretaria de Saúde se utilizou de um procedimento já existente, mas que foi abandonado pela gestão anterior. O serviço de laudos laboratoriais poderia ser feito por uma empresa, através de contrato vigente, mas até então não era utilizado.
 

Como explica a secretária de Saúde, Cássia Palhas, o pregão (modalidade de licitação utilizada para adquirir serviços ou produtos de menor valor) para exames laboratoriais havia sido aberto e finalizado, mas os laudos dos exames vinham sendo emitidos nos postos de saúde. Isso fazia com que os resultados demorassem semanas para serem entregues. "Junto com o prefeito, estudamos uma forma para aproveitar 19 funcionários que atuavam neste segmento para melhorar o atendimento da população. Sendo assim, conseguimos não somente oferecer mais agilidade e eficiência, mas também economizar um montante de R$ 36 mil por mês, que representa em torno de 50% do custo anteriormente realizado", pontua a secretária. “No governo de Lucas Pocay, economia é sinônimo de investimento e mais qualidade de atendimento”, ressalta.









Cássia Borges Palhas, secretária municipal de saúde

 

Uma simples ação da Prefeitura Municipal reduziu drasticamente o tempo de entrega de exames médicos e os custos com laboratório. A partir de agora os exames realizados no período da manhã nos postos de saúde de Ourinhos serão entregues no mesmo dia, na parte da tarde.
 

A medida só foi possível porque a pedido do prefeito Lucas Pocay, a Secretaria de Saúde se utilizou de um procedimento já existente, mas que foi abandonado pela gestão anterior. O serviço de laudos laboratoriais poderia ser feito por uma empresa, através de contrato vigente, mas até então não era utilizado.
 

Como explica a secretária de Saúde, Cássia Palhas, o pregão (modalidade de licitação utilizada para adquirir serviços ou produtos de menor valor) para exames laboratoriais havia sido aberto e finalizado, mas os laudos dos exames vinham sendo emitidos nos postos de saúde. Isso fazia com que os resultados demorassem semanas para serem entregues. "Junto com o prefeito, estudamos uma forma para aproveitar 19 funcionários que atuavam neste segmento para melhorar o atendimento da população. Sendo assim, conseguimos não somente oferecer mais agilidade e eficiência, mas também economizar um montante de R$ 36 mil por mês, que representa em torno de 50% do custo anteriormente realizado", pontua a secretária. “No governo de Lucas Pocay, economia é sinônimo de investimento e mais qualidade de atendimento”, ressalta.