PM Ambiental constata aves mantidas ilegalmente em cativeiro em Ourinhos


Nesta quarta, dia 14 de março, policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar Ambiental, destacados na Base Operacional de Ourinhos, durante fiscalização pela Vila São José, constataram a manutenção irregular em cativeiro de quatro Canários da Terra e três Periquitos-Rico, sem anilhas de identificação, aparentando estado bravio, sem autorização do Órgão Competente.

Diante dos fatos, foi elaborado o Auto de Infração Ambiental “Por ter em cativeiro espécimes da fauna silvestre nativa sem autorização”, no valor de R$ 3.500,00. As aves foram reintroduzidas na natureza. O infrator responderá por crime ambiental, cuja pena é de detenção de seis meses a um ano, e multa.

A Polícia Militar Ambiental orienta que as denúncias sejam feitas através dos telefones 0800-0555-190, 181 (Disque Denúncia), EMERGÊNCIA 190, ou ainda diretamente às unidades da Polícia Militar Ambiental pelos telefones: (14) 3592.1200 – Marília; (14) 3496.5884 – Tupã; (18) 3302.3450 – Assis; (14) 3322.3077 – Ourinhos.