PM Ambiental flagra diversos animais em cativeiro e posse ilegal de arma de fogo


Na última sexta, 22 de dezembro, policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar Ambiental, destacados na Base Operacional de Ourinhos, em atendimento de denúncia pelo bairro Vila Brasília, no município de Bernardino de Campos, constataram que um criador cadastrado de passeriforme mantinha 19 (dezenove) pássaros de espécie nativa ilegalmente em cativeiro, algumas delas sem anilhas e outras com anilhas adulteradas. Durante as buscas pela residência foram encontradas também duas armas, uma espingarda Cal. 32 com dois cartuchos deflagrados e um intacto; e um revólver da marca Rossi, Cal. 22 municiado com sete cartuchos intactos e com a numeração raspada.

Diante dos fatos, o indiciado foi conduzido em flagrante à Delegacia de Polícia Civil, onde foi detido por cometimento do crime de Posse Ilegal de arma de fogo, com numeração suprimida. Foi elaborado o Auto de Infração Ambiental “por manter espécime da fauna silvestre nativa em cativeiro, sem autorização do órgão competente”, com multa no valor de R$ 23.000,00.

As aves apreendidas foram soltas em seu habitat natural por apresentarem sinais de recém captura.

Polícia Militar Ambiental orienta que as denúncias sejam feitas através dos telefones 0800-0555-190, 181 (Disque Denúncia), EMERGÊNCIA 190, ou ainda diretamente às unidades da Polícia Militar Ambiental pelos telefones: (14) 3433.7199 – Marília; (14) 3496.5884 – Tupã; (18) 3323.5111 – Assis; (14) 3322.3077 – Ourinhos.