PM Ambiental constata animais em situação de maus tratos em Tupã

Share:

No último domingo, dia 24 de dezembro, policiais militares do 2o Batalhão de Polícia Militar Ambiental, destacados na Base Operacional do Município de Tupã, em atendimento à denúncia pelo bairro Afonso XIII, constataram a existência de 17 (dezessete) galos domésticos da raça “índio” mantidos em cativeiros de ferro individuais com espaço reduzido para movimentação e ambiente estressante. Os galos estavam com as esporas naturais serradas e barbelas e cristas parcialmente cortadas, além de vários estarem sem as penas do pescoço e do peito e ainda apresentavam ferimentos nas asas.

Diante dos fatos, foi elaborado o Auto de Infração Ambiental, no valor de R$ 51.000,00, por praticar ato de maus tratos, ferir e mutilar animais domésticos. A ocorrência foi apresentada no Plantão Policial de Tupã, onde o delegado constatou e registrou o fato. O infrator responderá pelo crime ambiental, cuja pena é de detenção de três meses a um ano, e multa.



A Polícia Militar Ambiental orienta que as denúncias sejam feitas através dos telefones 0800-0555-190, 181 (Disque Denúncia), EMERGÊNCIA 190, ou ainda diretamente às unidades da Polícia Militar Ambiental pelos telefones: (14) 3433.7199 – Marília; (14) 3496.5884 – Tupã; (18) 3323.5111 – Assis; (14) 3322.3077 – Ourinhos.