Em reunião com Associação Mirim, Prefeito reafirma compromisso de contratar guardinhas


Em reunião realizada na manhã de segunda-feira (04/12) na Prefeitura de Ourinhos, o Prefeito Lucas Pocay reafirmou seu compromisso de que com a implantação da Zona Azul Digital, a administração municipal vai contratar os guardinhas que hoje trabalham vendendo talões da zona azul.

A reunião contou com a presença do presidente da AMO/SIM (Associção Mirim de Ourinhos/Serviço de Integração de Meninas), Luis Carlos Romão, com adolescentes representando os guardinhas, mães de jovens atendidos pela Associação, com os vereadores: Eder Mota, Raquel Spada, Abel Fiel, Anísio Felicetti, Aparecido Luiz (“Cido do Sindicato”), Carlos Alberto Costa Prado (“Carlinhos do Sindicato”), Cícero de Aquino (“Cícero Investigador”), Sargento Sérgio Pazianoto, Santiago de Lucas Ângelo, com o presidente da Câmara Alexandre Araujo Dauage (“Alexandre Zóio”), com o Secretário de Governo “Esquilo” e com o Secretário de Comunicação Felipe Chamorro.

Durante a reunião, Lucas Pocay mais uma vez tranquilizou os guardas mirins e suas familias reafirmando que os jovens que trabalham vendendo talões de zona azul serão contratados pela Prefeitura.

“Sabemos da importância da Guarda Mirim, mas queremos melhorar ainda mais as condições de trabalho desses jovens. É muito melhor que eles estejam trabalhando nas Secretaria Municipais, protegidos, tendo bons contatos e aprendendo de fato uma profissão, já que são menores aprendizes, do que vendendo talões de zona azul na rua, expostos ao sol e a chuva”, destacou o Prefeito.

O Prefeito aproveitou para explicar como o novo sistema vai funcionar e como será sua implantação. “O novo sistema apesar de mais moderno e de otimizar o trabalho já vem sendo realizado em diversas cidades com muito sucesso, é um modelo testado e aprovado. A implantação não será feita do dia para noite. O projeto foi para Câmara, será votado, depois daremos início ao processo de licitação para contratação da empresa que vai gerenciar esse serviço e só depois esse sistema começará a ser implantado. É um processo longo de três a seis meses. Na fase de implantação teremos uma equipe para ajudar os usuários e uma campanha ensinando como usar a zona azul digital”, destacou Lucas Pocay.

“Essa reunião serve para colocar fim a qualquer especulação em relação a esse assunto. Desde a primeira reunião que tivemos com o Prefeito, ele sempre afirmou que os guardinhas que hoje trabalham na venda dos talões da zona azul não ficariam desempregados e seriam encaminhados pela Prefeitura. A Associação Mirim não é contra o projeto da Zona Azul Digital, nossa preocupação era apenas com os jovens, mas já vimos que não haverá nenhum problema”, destacou o presidente da AMO/SIM.

“O Prefeito Lucas Pocay tem tratado esse assunto com muita transparência e respeitando a entidade. Diálogo entre o Poder Executivo, a Câmara e as Associações, como o caso da AMO/SIM, é sempre o melhor caminho para equacionar qualquer dúvida. Desde o início desse debate sobre a implantação da Zona Azul Digital, os vereadores que compõe a base demonstraram muito interesse em colaborar por saber da importancia dessa entidade”, afirmou o Presidente da Câmara, “Alexandre Zóio”.

Os vereadores Santiago e Abel, que já foram guardinhas e também defendem a Guarda Mirim, acreditam numa melhor formação e oportunidade do jovem ao integrar a gestão pública.
Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »