Polícia esclarece assassinato de jovem ocorrido no estacionamento da Estácio de Sá

Os autores prestaram depoimento e foram encaminhados à cadeia pública de São Pedro do Turvo

A Polícia Civil de Ourinhos esclareceu o assassinato do jovem Eiji Marvule Nagai, ocorrido no dia 1º abril no estacionamento da Faculdade Estácio de Sá de Ourinhos. Foram presos Arthur José Nogueira (24) e João Paulo Oliveira da Silva (21). Eles confessaram o homicídio. A arma, um revolver calibre 38, e a motocicleta utilizada no crime foram apreendidas.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Dr. João Ildes Beffa, da DIG (Delegacia de Investigações Gerais), o assassinato foi motivado por um desentendimento entre Eiji e Arthur. “Nós seguimos inúmeras linhas de investigação, surgiram histórias de problemas de vizinhos, de furto de motocicleta, aposta, enfim, uma série de linhas de investigação, que foram seguidas, esgotadas e descartadas. Uma delas era de que Eiji teria tido um problema de relacionamento com o Arthur em decorrência de uma garota que namorava o Eiji e depois teve um breve relacionamento com o Arthur. Houve um desentendimento, com discussões, brigas e desavenças entre os dois”.

No dia do assassinato os indiciados emprestaram uma motocicleta e se deslocaram até a faculdade, onde encontraram Eiji no estacionamento. Arthur confessou ser o autor dos disparos que tiraram a vida do jovem. Arthur e João responderão por co-autoria em homicídio duplamente qualificado. Eles foram encaminhados para a Cadeia Pública de São Pedro do Turvo.
Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »