Greve dos bancários chega ao décimo dia e já prejudica ourinhenses

Bancários querem 15% de reajuste, bancos oferecem 7%

Todo ano nesta época é a mesma coisa: Greve dos Bancários. Desta vez a paralisação começou no dia 6 de setembro. Passados dez dias a mobilização da categoria em busca de melhores salários já prejudica os ourinhenses. Segundo balanço da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) o ato fechou cerca de metade das agências do país. Em Ourinhos todas estão fechadas. De acordo com balanço do comando dos grevistas, 11.531 agências e 48 centros administrativos tiveram as atividades paralisadas nesta segunda-feira (12). A Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) já propôs um reajuste de 7% mais benefícios. Os bancários não aceitaram. Entre outras reivindicações eles pleiteiam um reajuste salarial de 15%.
Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »