Secretário defende funcionários e critica boatos sobre a merenda escolar

Leandro Moraes, secretário de educação. Foto: JPOVO

Vários profissionais da Secretaria Municipal de Educação e pais de alunos se manifestaram contra boatos sobre a merenda escolar espalhados no último final de semana. Ao que parece, os tais boatos surgiram baseados em uma recusa (por parte dos responsáveis pelo recebimento) de produtos da merenda escolar que seriam entregues em uma escola da rede municipal. Segundo informações, os profissionais teriam simplesmente cumprido com sua obrigação ao não receberem produtos aparentemente impróprios para o consumo. Entretanto, supostamente motivados por questões políticas, foram iniciados boatos no intuito de colocar em dúvida a qualidade de toda a merenda escolar servida no município. Com isso, muitas pessoas que conhecem a seriedade com que é executado o trabalho do Setor de Alimentação Escolar da Secretaria de Educação utilizaram as redes sociais para se manifestar em apoio aos funcionários. Em nota, por meio de seu perfil no facebook, o secretário de educação, Leandro Moraes, defendeu os profissionais da pasta e a exemplo de muitos pais de alunos também demonstrou indignação sobre o ocorrido.

"Somos 1.500 funcionários na Secretaria da Educação. Mais de 150 cozinheiras e cozinheiros nas Escolas Municipais e Estaduais. Mais de 23 mil refeições são servidas todos os dias. As cozinheiras e cozinheiros são responsáveis pelo recebimento dos produtos da merenda, pelo trabalho de fazer e servir toda essa alimentação. As nutricionistas que acompanham de perto todo trabalho, cardápio, licitações e análise das amostras dos produtos da alimentação Escolar. Meu respeito e admiração pelo carinho com que fazem isso. Eles merecem nosso respeito. Quando os "terroristas eleitorais" usam da violência emocional e mentira para atacar nosso trabalho, estão espalhando o ódio a pessoas tão sérias e comprometidas. Isso é crime. Têm que ser punidos. São levianos e irresponsáveis. Os profissionais da educação merecem respeito. Falam do novo, da mudança, mas ficam inventando mentiras para denegrir minha imagem. Não percebem o quanto isso ofende todos os funcionários da Educação. Aqui ninguém está brincando, aqui todo mundo tem sua profissão e a exerce com muita dedicação. Aqui temos respeito um pelo outro", desabafou.

A declaração, publicada por volta das 12h desta segunda-feira, 8 de agosto, resultou em uma verdadeira "enxurrada" de comentários e compartilhamentos em apoio ao secretário e aos profissionais da Secretaria de Educação. Até o fechamento desta matéria a postagem havia alcançado mais de 40 comentários em apoio aos funcionários.


Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »