Ourinhos conquista Selo Município Verde Azul pelo segundo ano consecutivo

Adriana Medeiros, Leandro Guskuma, prefeita Belkis Fernandes, secretário Diógenes C. Leite e os interlocutores Rodrigo Ramos e Ronnie Campos
Em evento do Programa Município Verde Azul realizado nesta quarta-feira, 17, no Palácio dos Bandeirantes em São Paulo,  Ourinhos foi certificado mais uma vez com o Selo Município Verde Azul.
 
Estiveram presentes representando Ourinhos, a prefeita Belkis Fernandes, o secretário Diógenes Corrêa Leite da Secretaria de Meio Ambiente e Agricultura, os interlocutores Rodrigo Ramos e Ronnie Campos e a servidora municipal Adriana Medeiros. O engenheiro agrônomo de Salto Grande, Leandro Guskuma, parceiro em diversas ações em conjunto entre as cidades, e responsável pela coordenação dos trabalhos e ações, por meio da empresa Guskuma Consultoria Agronômica e Ambiental-ME, também compareceu.
 

A Prefeita Belkis destacou que a conquista do selo ratifica o compromisso do Governo de Ourinhos com o meio ambiente. “Esta conquista foi possível devido a união das Secretarias Municipais de Meio Ambiente e Agricultura, Educação, Serviços Urbanos, da SAE. Conseguir o selo pelo segundo ano consecutivo mostra que já fizemos grandes avanços na questão socioambiental, porém a nossa responsabilidade ambiental torna-se cada vez maior. Assim, trabalhamos para aumentar as ações de conscientização e preservação do nosso meio ambiente”, concluiu.
 

O Secretário Diógenes ressaltou que o trabalho foi desenvolvido pela pasta respeitando as diretivas do Programa Selo Verde. “Ao longo do ano, realizamos vários projetos de desenvolvimento sustentável que foram implantados com a apoio de outras secretarias. Além disto, focamos bastante na educação ambiental. A conquista pelo segundo ano consecutivo do selo demonstra que estamos no caminho certo”, ressaltou.
 

O ciclo 2015 do programa contou com 410 cidades, que apresentaram seus relatórios finais, com as ações ambientais realizadas, e 111 cidades (27%) foram certificadas, com uma pontuação superior a 80,0.
 

Ourinhos obteve 86,52 pontos, ficando com a 44ª posição no ranking PMVA 2015. A cidade foi certificada pelo segundo ano consecutivo, 2014 e 2015. A primeira conquista aconteceu em 2012.

O Programa

Lançado em 2007, pelo Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, o Programa Município VerdeAzul (PMVA) tem o inovador propósito de medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental.
 

A participação dos municípios é voluntária e ocorre por meio de um termo de adesão. Assim, o principal objetivo do PMVA é estimular e auxiliar as prefeituras paulistas na elaboração e execução de suas políticas públicas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do Estado de São Paulo.
 

Ao participar, cada um dos municípios paulistas indica um interlocutor e um suplente, que serão o elo de comunicação entre a cidade e a Secretaria de Estado do Meio Ambiente.
 

As ações propostas pelo PMVA compõem as dez diretivas norteadoras da agenda ambiental local, abrangendo os seguintes temas estratégicos: Esgoto Tratado, Resíduos Sólidos, Biodiversidade, Arborização Urbana, Educação Ambiental, Cidade Sustentável, Gestão das Águas, Qualidade do Ar, Estrutura Ambiental e Conselho Ambiental.
 

Para a realização do seu objetivo, o PMVA oferece capacitação técnica aos interlocutores indicados pela municipalidade e, ao final de cada ciclo anual, publica o “Ranking ambiental dos municípios paulistas”.

Engenheiro Otávio Okano (presidente da Cesteb), prefeita Belkis Fernandes e o deputado Itamar Borges durante solenidade de entrega do certificado do Programa Município Verde Azul para as cidades classificadas

Patrícia Iglecias (secretária estadual de Meio Ambiente) e a prefeita Belkis Fernandes durante a solenidade do Programa Município Verde Azul no Palácio dos Bandeirantes

Engenheiro Leandro Guskuma, Interlocutor Rodrigo Ramos, prefeita Belkis Fernandes, secretária estadual de meio ambiente Patrícia Iglecias e o secretário municipal de meio ambiente Diógenes Corrêa Leite