Todos contra o Mosquito Aedes Aegypti: Mega Operação continuará na região do Jd. Matilde e Jd. Oriental nesta quinta-feira, 21

A Prefeitura de Ourinhos deu início nesta segunda-feira, 18, a Mega Operação “Todos contra o Mosquito Aedes Aegypti”. A ação visa eliminar os criadouros do mosquito Aedes Aegypti e conscientizar a população sobre a importância de manter os quintais, casas e terrenos sempre limpos.

A ação está sendo realizada por meio da união das Secretarias Municipais, SAE (Superintendência de água e Esgoto), apoio da AIOR (Associação das Indústrias de Ourinhos e Região) e outros parceiros da iniciativa privada.

Em apenas 3 dias de ação cerca de 200 toneladas de materiais inservíveis já foram recolhidos. Nos primeiros dias a operação ficou concentrada no Jd. Paris, Jd. Itamaraty, Pq. Pacheco Chaves, Jd. Nossa Senhora de Fátima, Vila Musa, Jd. Santa Maria, Vl. São João, Jd. São Francisco, Vl. Odilon, Cohab e Vl. São José primeira seção.
 

Nesta quarta-feira, 20, a Mega Operação esteve concentrada nos seguintes bairros: Jd. Santa Maria, Vl. São José - 2ª seção, Jd. Matilde – 2ª seção, Jd. Imperial, Jd. Oriental, Residencial Parque das Flores, Residencial Matioli, Vl. Villar, Jd. São Silvestre, Villar Ville, Jd. Nazeth, Jd. Furlan e Jd. Estoril.
 

Devido ao grande volume de material recolhido e fluxo de trabalho, nesta quinta-feira, 21, a ação continuará concentrada na mesma região.
 

O cronograma com os bairros da Mega operação estão sendo divulgados diariamente no site da Prefeitura: www.ourinhos.sp.gov.br e também no Facebook da Prefeitura. Mesmo assim é importante lembrar que as equipes de endemias passarão nos bairros que receberão a Mega Operação para serem informados um dia antes do bairro ser contemplado.
 

A Prefeitura alerta que no dia anterior da coleta da Mega Operação um carro de som circulará pelas ruas do bairro para informar que a população poderá colocar todos seus inservíveis na rua para serem recolhidos pela Mega Operação.
 

A população deve descartar todo e qualquer objeto que possa acumular água e servir de abrigo e procriação do mosquito Aedes Aegypti, que transmite Dengue, Febre Chikungunya e o Zika Vírus, como: pneus, garrafas pet, tampinhas de garrafas, copos, latinhas de embutidos, sacolas plásticas, baldes, pratinhos de vasos (que devem ter areias adicionadas).
 

A Vigilância Epidemiológica alerta que a limpeza das casas não seja feita apenas durante o período da Mega operação. A orientação é que os munícipes utilizem cerca de 10 minutos por dia, toda semana, para verificar as suas residências ou empresas que contenham objetos que sirvam de acumulo de água.
   
Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »