Mega Operação recolhe cerca de 300 toneladas em apenas uma semana

O poder público, em parceria com a iniciativa privada está fazendo a sua parte, mas a colaboração da população é fundamental para preservar vidas, pois as doenças transmitidas pelo Aedes podem matar!
 

A Mega Operação Todos Contra o Mosquito Aedes Aegypti, realizada pela Prefeitura de Ourinhos com apoio da SAE, AIOR e empresas privadas, já recolheu mais de 300 toneladas de materiais inservíveis.

Em média por dia, a ação tem recolhido aproximadamente 60 toneladas de materiais inservíveis que poderiam servir de possíveis criadouros para o Aedes.
 

A ação já contemplou diversos bairros da cidade e continuará na próxima semana. O objetivo é que a Mega Operação atinja toda extensão da cidade, com o intuito de eliminar das residências os criadouros do mosquito Aedes Aegypti, que além da dengue transmite também a febre chikungunya e o zika vírus, doenças essas que podem levar à morte.
 

Além de recolher materiais inservíveis, a vigilância epidemiológica tem feito panfletagem com o intuito de conscientizar a população sobre o mosquito Aedes e as doenças transmitidas. Também está sendo feito bloqueio químico em alguns bairros com maior número de criadouros.
 

Na próxima segunda-feira, 25, a Mega Operação estará concentrada nos seguintes bairros: Loteamento Mitsui, Santa Fé I, II e IV, Jd. Paineiras, Jd. Cristal, Jd. Esmeralda, Pq. dos Diamantes, Jd. Brilhante, Jd. São Judas Tadeu, Jd. Santos Dummont, Lot. Águas do Eloy, Jd. Itaipava e Distrito Industrial I.
 

A vigilância epidemiológica também alerta para que a limpeza e eliminação de material inservível que possa ser utilizado como criadouro deve ser constante. A população também deve ficar atenta com calhas, caixa d'àgua, galões, tonéis, poços, latões, tambores, pneus e garrafas vazias, ralos, bandejas do ar condicionado, bandejas de geladeira, pratos de vasos de planta,  plantas que acumulem água, etc.
Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »