Ourinhos será o único município da região a manter o SAMU a partir de 1º de dezembro

Além dos atendimentos de rotina, na última quarta-feira (28) o SAMU participou de um simulado de acidente junto com a Defesa Civil, Prefeitura Municipal e SAE
Serem os primeiros a chegarem nas ocorrências e proporcionarem um atendimento de excelência que salvou muitas vidas não foi o suficiente para que os prefeitos da região mantivessem o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) Regional. Alegando falta de recursos, os alcaides decidiram desativar o serviço ainda este ano.

Bernardino de Campos, Canitar, Chavantes, Espírito Santo do Turvo, Ipaussu, Óleo, Ribeirão do Sul, Salto Grande, Santa Cruz do Rio Pardo, São Pedro do Turvo e Timburi não serão mais atendidos pelo SAMU a partir de 1º de dezembro de 2015.

Apenas Ourinhos, maior cidade da região, priorizou a saúde de sua população e continuará normalmente com o atendimento do SAMU, custeando despesas operacionais de um montante que supera R$ 100 mil mensais.


Agência Massiva



Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »