Mega Operação Todos Contra a Dengue recolheu mais de 1.200 toneladas de objetos inservíveis


É preciso que a população continue colaborando, pois mesmo agora a equipe de Controle de Vetores já encontrou criadouros em residências do Jd. Josefina, Vila Brasil e CDHU durante as visitas de rotina que faz
A Prefeitura de Ourinhos realizou de 14 a 26 de setembro a 2ª Mega Operação Todos Contra a Dengue, com objetivo de recolher em todos os bairros da cidade, objetos inservíveis que poderiam servir de abrigo e procriação do mosquito transmissor da Dengue, o Aedes Aegypti.

A Mega Operação, determinada pela Prefeita Belkis Fernandes, contou com o importante empenho e trabalho da Secretarias Municipais de Saúde, Serviços Urbanos, Obras, Meio Ambiente e Agricultura, SAE, além do grande apoio da empresa Alliance e do CR (Centro de Ressocialização), que passsaram por 173 bairros em toda a cidade, retirando mais de 200 caminhões com inservíveis passíveis de remoção.   

Foram recolhidas mais de 1.200 toneladas de materiais e objetos que poderiam servir de abrigo para o mosquito transmissor da Dengue.

“Agradeço imensamente a todas as secretarias municipais, a SAE, a Alliance e ao CR que não mediram esforços para que, antes do período maior de chuvas, pudéssemos realizar a segunda Mega Operação Todos Contra a Dengue. Na pessoa dos integrantes da Comissão Organizadora - Alechandre (SAE) - Yara (Saúde) - Valdir (Saúde) - Neto (SAE), agradeço muito ao empenho de todos os envolvidos, direta e inderetamente, pois a Dengue é um problema que infelizmente todo o país enfrenta e que Ourinhos está lutando para combater. Esse é um trabalho preventivo, que tem que ser contínuo. Temos que ser vigilantes, então aproveito e peço a toda a população que continue fazendo a sua parte, verificando em suas casas e trabalho, locais que possam acumular água para que não tenhamos uma nova epidemia de Dengue na cidade”, agradeceu e alertou a prefeita Belkis.

Foram quase 40 pessoas envolvidas diretamente no trabalho durante a Mega Operação, sendo 39 pessoas entre o pessoal da panfletagem e o pessoal tque trabalhou na coleta dos inservíveis. Foi utilizada uma média de 6 caminhões/dia.

O secretário de Saúde Andre Mello também fez suas considerações. “Como a Prefeita Belkis disse, reforço o agradecimento a todas as secretarias municiapis que desenvolveram o trabalho e, em especial temos que destacar a empresa Alliance e o CR que muito contribuíram. Essa primeira etapa da batalha foi concluída, mas reitero a importância do combate diário nas residências, uma vez que a equipe de Controle de Vetores já está encontrando criadouros domiciliar, quando das visitas que faz durante seu trabalho de rotina. Já encontramos focos nos bairros Jardim Josefina, Vila Brasil e CDHU, portanto, é preciso que todos colaborem, porque como eu sempre falo, a Dengue não é um problema da saúde, é um problema a ser enfrentado e vencido por todos nós”, frisou André Mello.


Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »