Belkis inaugurou a Praça Mário Santos Soares ''Marico'', no Jd. Tropical

Na noite de quarta-feira, 07, a Prefeita Belkis Fernandes inaugurou a Praça Mário Santos Soares “Marico”, no Jd. Tropical e também a Academia da Saúde, que contou com a presença da viúva de Marico, dona Marílvia Mantovani Madalena Soares.

Prestigiaram a inauguração o vice-prefeito Dr. Gilberto Severino, o chefe de gabinete da Prefeitura José Luís Teixeira Quenca, o secretário municipal de Saúde André Mello, o secretário municipal de Serviços Urbanos Edson Carnevalle, o representante do deputado federal Capitão Augusto, Neno Batista, o representante do deputado estadual Ricardo Madalena, Ronaldo Mori, demais Secretários Municipais e moradores da região.

A prefeita Belkis cumprimentou as autoridades e o público presente e falou sobre o trabalho da Prefeitura para a construção da Praça. “Cumprimento os presentes e digo que esta Praça é uma soma de esforços das nossas Secretarias de Serviços Urbanos, Desenvolvimento Urbano, Obras, Meio Ambiente e SAE que trabalharam intensamente para fazer deste lugar um ambiente familiar, onde pais podem fazer caminhadas, exercícios enquanto os filhos desfrutam deste espaço para brincar. Inaugurar é sempre muito bom, ainda mais quando estamos em um grupo de amigos como esse. O nosso carinho com o 'Marico' e sua família continuam e  se perpetua então com a Praça Mário Santos Soares!”.

Emocionada, dona Marílvia Mantovani Madalena Soares agradeceu a homenagem à seu esposo. “Compartilhamos neste momento uma grande festa e eu acho que o Marico da onde está, festeja também. Agradeço ao ex-prefeito Toshio Misato e a prefeita Belkis que deu continuidade a este projeto e que tratou de construir essa Praça com muito carinho. Estou orgulhosa e feliz em saber que estão perpetuando o nome dos antepassados do meu marido e, portanto dos meus filhos e dos meus netos!”.

O secretário de Saúde André Mello, que foi responsável pela conquista do recurso para construção da praça, viabilizada com recursos provenientes de emenda do deputado federal Antônio Carlos Mendes Thames, no valor de R$ 200 mil com contrapartida da Prefeitura, também falou da obra. “Cumprimento as autoridades, todos os presentes e destaco a colaboração de todos aqueles que se dedicaram para a construção desta Praça. Agradecemos a vontade do ex- prefeito Toshio Misato que no primeiro momento iniciou esse projeto e homenageou o “Maricão” e, sobretudo a prefeita Belkis que teve o ímpeto e deu a continuidade à esta obra, conquistada com recursos do Governo do Estado e por uma indicação do deputado Mendes Thame e do ex deputado federal Delegado Protógenes que disponibilizou a Academia da Saúde”.
A Praça Mário Santos Soares está localizada entre as Ruas Lázaro Gardim, João de Pontes, Etelvina Gonçalves Penna e Júlia Busai, no Jd. Tropical, contando com uma área de 10.787,00 m².

O ex-prefeito Toshio Misato foi o autor do projeto de lei que de o nome a Praça que homenageia o Sr. Mário Santos Soares “Marico”.

As fanfarras e balizas das EMEFs Profª Jandira Lacerda Zanoni e Prof. José Alves Martins abrilhantaram a inauguração com suas apresentações.

População elogia a nova Praça do Jd. Tropical

Com a construção da Praça Mário Soares, os moradores do Jd. Tropical e bairros adjacentes mostraram-se satisfeitos com a benfeitoria. O local que antes era alvo de vândalos hoje tornou-se um ambiente familiar e aconchegante.
“Esse local aqui antigamente era um terreno bem abandonado, frequentado por usuários de drogas e vândalos, que se aproveitavam da escuridão e das árvores que tinham aos arredores para assaltar os moradores. Agora com a Praça o local ficou maravilhoso, venho aqui todos os dias, faço ginástica e ainda trago meus sobrinhos para brincar”, disse Valéria Alves, moradora do bairro há 13 anos.

A munícipe Flávia Cristina Rocha da Silva é moradora do Jd. Nossa Senhora de Fátima e leva seus filhos para brincar na Praça todos os dias. “Trago meus filhos pra brincar e andar de bicicleta aqui todos os dias e aproveito também pra encontrar com as minhas amigas, bater um papo, fazer exercícios. A Praça ficou ótima e eu estou muito satisfeita!”.

O Sr. João Gaspar, que mora no bairro há cerca de 2 anos e 6 meses comentou o medo que sentia em trafegar aos arredores do local durante a noite. “Esse lugar aqui era muito ruim, pois havia muitos usuários de drogas, não tinha iluminação e isso causava medo de passar até de carro nos arredores e eu, assim como os outros moradores sentíamos medo de trafegar”.

Hoje, o Sr. João sente a diferença do lugar. “Nossa, com essa Praça o nosso bairro mudou completamente, com todas as pessoas que eu converso e que moram por aqui estão elogiando. Ficou excelente a Praça e agora oferece um local de lazer para as famílias e claro, a segurança dos moradores”.

Próximas Praças a serem inauguradas

A Prefeitura vai inaugurar ainda este mês mais duas Praças, sendo a da Vl. Soares na próxima semana, localizada na Rua Caio Mizubuti, com a Rua Nunes Ferreira da Silva e Travessa Quatro e Travessa Cinco e no dia 21/10, às 18h30 a Praça do Jd. Ideal, localizada na Rua Vereador Adão Simeão de Souza.

Quem foi Mário Santos Soares?
   
O Sr. Mário Santos Soares, mais conhecido como “Marico”,   era filho de D. Emília Santos Soares e do Sr. Horácio Soares que foi prefeito de Ourinhos em 1.956.

Mário Soares estudou no Colégio Cristo Rei, na cidade de Jacarezinho-PR; concluiu o curso de Contabilidade em São Paulo/SP e voltou para a cidade de Ourinhos se casando com D. Marílvia Mantovani Madalena, com quem teve três filho: Paulo Sérgio Soares, Marta Soares e Sandra Soares.

Mário plantou grama com as próprias mãos em sua chácara e criou o “Maricão”, clube de futebol que existe até hoje em outro local.

Faleceu em 02 de Abril de 1.981 no campo dos médicos, vítima de um infarto fulminante. Deixou muitas saudades à sua família e amigos.

Homenagem dos filhos do Sr. Mário Santos Soares

Um dos filhos do Sr. Mário Santos Soares, o Engº Eletricista Paulo Soares, que infelizmente não pode estar presente fez questão de enviar alguns dizeres para que fosse lido em homenagem ao pai durante a inauguração.

“Infelizmente, nós filhos, não pudemos estar presente neste momento inestimável pela demonstração do enorme carinho da família Ourinhense, dos fiéis amigos do nosso eternamente amado Pai, carinho de amigos de todas as horas, que com muito orgulho herdamos, cujo aconchego em todos os momentos de convívio e mesmo distantes, esáa sempre presente, uma dívida e um sincero agradecimento por serem responsáveis por tornarem nossas vidas melhores.

Falar do papai não cabe a nós, pois todos os nossos são e foram nossos heróis, mas o que posso dizer é que depois de eu estar mais velho (e rabugento), acordando para todas as responsabilidades e dificuldades que nossos pais passavam calados, reconhecemos a nossa ignorância e quão difícil era assimilarmos seus conhecimentos e fragilidade de lidar com a vida tão complexa.

O que posso dizer é que, sem quaisquer grandes explicações e teorias ele e mamãe souberam passar a lição fundamental para nós filhos, sem cobranças perceptíveis, incentivou-nos sempre a pensarmos uns nos outros e agirmos por altruísmo, sentindo o sofrimento alheio e tendo uma motivação natural para confortar os demais por simplesmente amá-los.

Novamente tenho que repetir que agradeço imensamente a todos estes rostos amigos que tenho muitas recordações maravilhosas.

Temos muito orgulho de que a semente lançada por um grupo de amigos tão fanáticos como o papai, tenha sido perpetuada através da continuidade do “Maricão”, dando prosseguimento a novas gerações, filhos e netos preservando o real espírito do esporte pelo esporte, meio de diversão e amizades.

A você, mamãe, que é a heroína deste conto, te amamos.

Belkis, minha cara amiga, colega estudiosa, de quem eu colava, um grande beijo e a todos os responsáveis por este ato”.


Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »